Listas e indicações

3 filmes para entender os problemas da educação

Choque cultural, desigualdade social, violência. São alguns dos temas que envolvem o debate sobre a educação não só no Brasil, mas no mundo inteiro. Depois das ocupações em escolas públicas e notícias como ataques a professores, este é um assunto importante e que abrange vários aspectos cobrados pelo ENEM.

Ainda não há uma proposta sobre o que pode ser feito. Além da mudança geracional, que implica novos modos de ver o mundo, há a necessidade de se lidar com alunos de diferentes formações.

Para ajudar na sua preparação e oferecer propostas de análise, listamos três filmes que dão ótimos e preocupantes panoramas da educação. Vamos assisti-los?

1. Pro Dia Nascer Feliz

Todo mundo sabe que o Brasil é um país de dimensões continentais e diferentes realidades. Esse é o clichê. O que o filme faz é aprofundar esse senso comum e mostrar como ele acontece de verdade.

O documentário acompanha o cotidiano de escolas de Pernambuco, São Paulo e Rio de Janeiro. Então, temos a professora que não acredita que uma aluna escreveu uma boa redação por conta própria. Vamos também como uma escola tenta lidar com um estudante violento.

É um dos retratos mais cruéis da educação brasileira.

2. Entre os Muros da Escola

O foco deste filme é mostrar o choque cultural inserido numa sala de aula. Aqui, acompanhamos um professor francês de uma escola pública de Paris que precisa se aproximar de seus alunos. Para isso, ele tem que lidar com diferenças culturais e comportamentais, de jovens asiáticos, africanos, árabes e franceses, todos da mesma sala.

O filma apresenta um debate importante sobre o estudante atual, que convive com seus diferentes e precisa entender esse contexto.

3. A Educação Está Proibida

É um documentário argentino que mostra a necessidade de encontrar novos formatos para a educação. O filme mostra 45 experiências de oito países, entre propostas inovadoras e alternativas ao formato tradicional.

Há entrevistas com pais, alunos e educadores, que concluem que o modelo atual não leva em consideração o protagonismo e a criatividade dos jovens. A versão abaixo está dublada.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s