Dicas para escrever

4 dicas para você estudar atualidades

Este é o segundo post da série que mostra a importância de estudar atualidades para as provas do Enem e vestibulares de todo o Brasil. É preciso sempre ter em mente que os temas atuais são cobrados nas redações e nas questões das disciplinas.

Também é importante entender que, ao contrário das disciplinas tradicionais, como história, geografia e matemática, não há um livro didático como base do estudo. Assim, sua fonte de informação é outra: acompanhar o noticiário regularmente.

E como fazer isso? Lendo jornais, revistas e sites noticiosos. Sim, essa é a única forma de você estar bem preparado para as provas!

A leitura de atualidades é importante pois desperta o espírito crítico, característica fundamental para a formação pessoal e profissional. Vejas estas dicas que vão ajudar na hora de estudar atualidades!

1. Tenha cuidado com a notícia falsa

Essa história de notícia falsa começou a ganhar força nas eleições de 2014 e está dominando as discussões desde o final de 2016, quando Donald Trump se tornou presidente dos Estados Unidos.

Por isso, você precisa colocar na sua cabeça o seguinte: Facebook, Twitter e outras redes sociais não são geradoras de conteúdo. Elas apenas compartilham o que existe na internet, o que não quer dizer que seja tudo verdadeiro.

A rigor, qualquer pessoa pode escrever uma notícia num site ou blog e compartilhar nas redes. Mas há uma grande distância do que essa pessoa faz em relação aos jornalistas. Apesar de haver muita reclamação, o jornalismo ainda é a melhor forma de se obter informação.

Antes de clicar no link, veja se a fonte é confiável. Você conhece o jornal, a revista ou o site? A notícia ataca um partido ou uma pessoa sem provas?

Outro ponto importante: confira sempre a data de publicação. Muita gente compartilha notícia antiga como se fosse atual, o que ajuda a confundir ainda mais o leitor.

2. Leia mais de uma fonte de informação

O estudo de atualidades exige dedicação e disciplina. O aluno que quer entrar na faculdade dos seus sonhos precisa se esforçar na fase de estudos. Em relação às atualidades, isso significa ler mais de uma fonte de informação.

Ou seja, ler mais de um jornal, revista ou site. Por quê? Porque é preciso ouvir vários lados, interpretações e dados complementares. Somente assim você terá condições de formar uma opinião própria consistente e bem embasada.

3. Faça um fichário das suas leituras

A gente sabe que é difícil acompanhar o noticiário diariamente, e que lá no final do ano, na época da prova do Enem, vai ser mais complicado ainda se lembrar do que aconteceu em março.

Para você não perder o que leu, a sugestão é criar um fichário do ano, com curtas anotações sobre suas leituras de atualidades.

Faça entradas sobre assuntos específicos, anote os principais fatos, de onde você tirou a informação e, mais importante, sua opinião sobre a questão. Não se importe com formato, o foco aqui é criar um catálogo.

Depois, no final de cada mês, faça uma revisão sobre o que foi anotado e escreva um texto sobre um assunto. Você não só vai firmar na memória o que leu, como também vai treinar a redação.

O goleiro Bruno treina no Boa Esporte | Foto: Jeso Carneiro via Visualhunt / CC BY-NC

Sugestão da 1000: comece seu catálogo agora com o assunto envolvendo o caso do goleiro Bruno, que foi solto pela Justiça e contratado por um clube de futebol do interior de Minas. Diariamente, saem notícias sobre esse assunto. E ele envolve várias questões que as bancas cobram nas provas: direitos humanos, preconceito, ressocialização de presos e violência contra a mulher, por exemplo.

4. Estude para criar argumentos

Você sabe: argumento não é opinião infundada, ou seja, o famoso “achismo”. Se você sustentar sua redação no achismo, sua nota não vai ser boa. Para escapar dessa armadilha, o aluno deve ter informações para poder construir um argumento sólido e, dessa forma, erguer sua opinião embasada.

Os avaliadores observam muito sua capacidade de argumentação, e isso você só consegue com muita leitura. E, nesse caso, não basta ler apenas as notícias. Para saber se expressar bem, de forma coerente e clara, é preciso ter domínio da língua.

As aulas da 1000 na Redação trabalham esse quesito com o aluno, mas você precisa ter algumas iniciativas, como ler romances, por exemplo, mesmo que sejam os livros indicados para as provas. Eles aumentam seu vocabulário e expandem seu raciocínio. Textos de opinião também fortalecem nosso repertório de  estratégias argumentativas.

Gostou das dicas para estudar atualidades? Então comece agora sua pesquisa! Não esqueça de ler o primeiro post da série e compartilhe com seus amigos!

Série – Importância do estudo de atualidades

  1. Saiba qual é a importância de estudar atualidades
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s